julho 17, 2017

C++ e Oracle

[code language=”cpp”]
int main(int argc, char** argv){
std::cout << "Hello World!";
return 0;
}
[/code]
Existem algumas bibliotecas para trabalhar com banco Oracle usando C++, vou listar algumas abaixo:

Tive experiência com algumas dessas bibliotecas, ou melhor quase todas, a única que não trabalhei foi com a SQLAPI++, mas sei que existe, por isso listei acima, vou falar um pouco sobre as bibliotecas acima conforme minha experiência.

OCI

Essa biblioteca é necessária para que as outras bibliotecas se comuniquem com Oracle e é possível utilizar a sua interface, a utilização da mesma é complexa comparando com as outras, mas como tudo no C++ quando mais baixo nível estiver mais controle terá no seu código para evitar Memory Leak (Vazamento de Memória).

OCILIB

Na minha opinião a melhor biblioteca para trabalhar com Oracle, devido a sua simplicidade, documentação e existe muitos exemplos na internet para facilitar o uso.

E melhor, o código é aberto, ou seja, caso tenha alguma dúvida “Look at the Code!”.

ODBC

A antiga ODBC para trabalhar com qualquer tipo de banco de dados, inclusive o Oracle. Ponto positivo de utilização da biblioteca ODBC é a simplicidade de utilizar outros bancos com o mesmo código, sempre tomando cuidado com o uso do SQL.

Devida essa generalização da biblioteca, ela pode ficar mais lenta em alguns casos.

SOCILIB

Gosto muito da proposta dessa biblioteca, é uma simplificação da OCI mas com o design C++, com algumas linhas de código já tem um programa conectado ao banco ORACLE e executando alguns comando SQL.

Devido ser sustentado por desenvolvedores, pode sofrer poucas atualizações.

SQLAPI++

Tem suporte para todas as plataformas e é mantido por uma empresa, para utilizar essa biblioteca é necessário pagar a licença após isso terá acesso a todo código fonte (Windows/Linux/Unix), nunca utilizei essa biblioteca mas já tive boas referências de colegas de trabalho que usaram em outras empresas, para quem tem uma aplicação que deseja conectar em vários bancos de dados, será uma boa pedida!

E você tem alguma opinião para dar sobre as bibliotecas citadas acima ou alguma que deixei de falar? Deixe seu comentário!

[code language=”cpp”]

exit(0);

[/code]

Deixe um comentário

CATEGORIA

Banco de Dados, C++